Prêmio Abril de Jornalismo

clique
clique para fechar   Finalistas/Destaques
PremiadosJurados clique para fechar

  

Curiosidades

Hors concours

Foi criado a partir do II Prêmio Abril, quando foi premiada a edição inteira da revista Veja (416-A), pela matéria “A Morte de JK”, publicada em agosto de 1976. O registro feito pelo catálogo justifica o mérito:

“Não é uma matéria, é uma proeza jornalística. A edição extraordinária da revista, posta à venda 48 horas após a morte, é um feito histórico. Cobertura perfeita, texto geralmente primoroso. Mínimos e inevitáveis, os pequenos deslizes de informação e de redação. Algo absolutamente comovente a qualquer releitura, em qualquer época”. (Catálogo II Prêmio Abril de Jornalismo – dezembro de 1977)

Primeiro Ziraldo e José Antonio. Depois vieram Carlos Alberto Giannotti, Carlos Grassetti, Carlos Maranhão, Claudio Carsughi, Edith Eisler, Elisabetta Orrico, Jaime Figuerola, José Paulo Kupfer, Orlando Brito e Pedro Martinelli. Em 1986 este era o elenco dos Hors-Concours da Casa – os profissionais da Abril laureados três vezes na mesma categoria ou cinco em categorias distintas. Todos integram a Comissão de Seleção e alguns até foram convocados para o Corpo de Jurados como Ziraldo, José Antonio e Pedro Martinelli.

A partir da 7a edição do Prêmio Abril, profissionais passaram a integrar um seleto grupo de premiados, os Hors Concours, e, com isso, deixaram de competir nas edições seguintes. 19 profissionais são considerados Hors Concours. O último foi apresentado no XXXI Prêmio Abril, em 2005, quando a comissão julgadora retomou o prêmio de hors-concours. O escolhido não poderia ser outro profissional que não Luiz Iria, um dos pioneiros da infografia na Abril. Iria já ganhou onze troféus, das 33 vezes que foi finalista. Sua trajetória vencedora começou em 1998, com o prêmio para Golpes de Mestres, da Superinteressante. E, depois do primeiro, não passou um ano sem plantar ao menos uma árvore na sua floresta. Nosso mestre da infografia também já ganhou Prêmio Esso e vários Malofiej, o mais importante prêmio de infografia do mundo. Ele é o 19º indicado ao seleto grupo dos profissionais da Abril agraciados com esse importante reconhecimento.

São eles:

  • Adilson Fernandes - 1987
  • Augusto Nunes - 1986
  • Carlos Alberto Gianotti - 1986
  • Carlos Grassetti - 1986
  • Carlos Maranhão - 1986
  • Cláudio Carsughi - 1986
  • Conceição Lemes - 1987
  • Costanza Pascolato - 1987
  • Edith Eisler - 1986
  • Elisabetta Orrico - 1986
  • J. R. Duran - 1987
  • Jaime Figuerola - 1986
  • José Antônio Castilhos de Moraes - 1984
  • José Paulo Kupfer - 1986
  • Luis Fernando Verissimo - 1987
  • Luiz Iria - 2005
  • Orlando Brito - 1986
  • Pedro Martinelli - 1986
  • Ziraldo Alves Pinto - 1982

voltar para curiosidades

 
2008© - Editora Abril